Leite anuncia volta dos benefícios fiscais para itens da cesta básica no RS - CDL POA

Leite anuncia volta dos benefícios fiscais para itens da cesta básica no RS

Um dia depois de Lula informar a suspensão do pagamento da dívida do Estado com a União por três anos, decreto que impactava o preço dos alimentos foi revogado. Governador detalhou medidas tributárias a deputados estaduais na manhã desta terça-feira

O governador Eduardo Leite anunciou, na manhã desta terça-feira (14), a deputados estaduais a revogação dos decretos que cortaram benefícios fiscais de itens da cesta básica no Rio Grande do Sul. Na prática, a medida vai fazer com que os incentivos voltem a valer, reduzindo o valor final destes alimentos. O Estado vive a maior tragédia climática da sua história, com 147 mortes confirmadas.

A volta dos benefícios é anunciada por Leite um dia após o presidente Lula anunciar a suspensão, por três anos, do pagamento da dívida do Rio Grande do Sul com a União. A quitação mensal da dívida, com parcelas que crescem progressivamente, é um dos compromissos fiscais mais pesados para o Estado.

O decreto que cortou benefícios fiscais da cesta básica no Estado foi colocado em vigor em 1º de maio, após cinco meses de debates políticos.

O corte desses incentivos era o chamado plano B do governo Leite — a intenção inicial do governador era aumentar o ICMS, mas a ideia não foi para frente na Assembleia Legislativa. O governador alegava que a queda de arrecadação somada aos custos progressivos da dívida do Estado com a União exigiam o aumento dos impostos.

Além do retorno dos benefícios, o governador também anunciou medidas de apoio tributário às empresas gaúchas, com prorrogação dos prazos para pagamentos de ICMS e das obrigações do Simples Nacional.

Fonte: GZH

 

Data

14 maio 2024

Compartilhe

Ligue e descubra a solução ideal para a sua empresa

51 3017 8000

Capitais e regiões metropolitanas
De segunda a sexta , das 9h às 18h.