fbpx

Por que o meu varejo deve participar da Black Friday?

11

OUTUBRO, 2019

Notícias

Liquidação anualmente realizada nos Estados Unidos após o Dia de Ação de Graças – celebrado na última sexta-feira de novembro –, a Black Friday chegou ao Brasil apenas em 2010 e, pouco a pouco, caiu nas graças do público, tornando-se o maior evento de e-commerce do País. No Brasil, o festival de descontos acontece na mesma data e é uma oportunidade para encontrar descontos atrativos, descobrir lojas até então desconhecidas ou de concretizar aquela compra que há tempos era adiada. Com diversas ofertas de produtos e descontos tentadores, a Black Friday também surge para potencializar as receitas dos varejistas.

Embora a venda seja a parte concreta mais perceptível para o varejista, a Black Friday auxilia a fidelizar o cliente e impulsionar a marca. Apesar de as promoções durarem apenas 24 horas, a relação estabelecida com o comprador pode durar para sempre, seja ela positiva ou negativa. Portanto, é importante que a loja tome cuidados para proporcionar uma experiência positiva e que transmita a imagem que ela deseja mostrar ao público. Entre as orientações básicas estão: oferecer descontos reais e em produtos muito desejados; estar preparado para realizar as entregas dentro do prazo; planejar o estoque de produtos com antecedência; focar no relacionamento e trabalhar para que o cliente retorne.

Iniciativas como a Black Friday impactam diretamente na concepção do cliente sobre as marcas, pois entendem que a data propicia grandes oportunidades de compra, de encontrar descontos em produtos recém-lançados e com um valor mais acessível. Assim, se a participação do varejista não for planejada de forma criteriosa e com condições de cumprir os compromissos previamente estabelecidos, o ideal é deixar para a edição seguinte, pois descontos falsos, mau atendimento e problemas com entregas podem lesar a imagem e a credibilidade da loja.