Decifra-me ou te devoro – Por Irio Piva

27

JULHO, 2020

Notícias

“Como é que eu não pensei nisso antes?” Está aí a definição singela e popular para traduzir a inovação. O certo é que, na maior parte das situações, não se descobrem caminhos sozinho. É necessário trilhar o coletivo e o compartilhado. Por isso, a CDL Porto Alegre está implementando o Programa de Inovação. O propósito é atrair empresas com mindset de inovação que possam transformar outras empresas com suas ideias e soluções. E transformação não somente digital, porém de processos e para se reconectar com o novo. Esses objetivos ficaram ainda mais imperiosos agora, quando temos que buscar a incondicional retomada dos negócios atropelados pela pandemia de covid-19.

Os projetos das startups serão selecionados a partir da aplicabilidade nas áreas de cultura digital, com soluções para capacitações, treinamentos, gamificação e ações de engajamento; eficiência operacional, para conectar todas as pontas de uma operação, desde a logística até as compras; experiência de compra, auxiliando em uma experiência de compra personalizada por meio de novas tecnologias; e inteligência de dados, voltada para captura e análise de dados em cada etapa da jornada de compra. O nosso segmento é um dos que mais estão sofrendo com a pandemia. Na prática, é vital gerar oportunidades e ajudar quem precisa.

Algumas possibilidades estão claras. O omnichannel deve ser capaz de proporcionar ao consumidor a experiência desejada. Os canais integrados são sinônimos de uma convergência que deixa uma percepção agradável e engajada. Processos como “clique e retire”, entrega do produto no mesmo dia, estoque inteligente, conexão entre lojas e marketplaces estão mudando o ritmo de vendas no Brasil, nos EUA, na Europa e na China.

A jornada de compra tem sido cada vez menos linear, mais interativa, multicanal e sintonizada com o contexto da sociedade. Produtos essenciais são protagonistas, no entanto aqueles que trazem conforto e bem-estar fazem bem à alma. Além da boa e velha visita aos pontos de venda (quando a bandeira vermelha permite), o comprador depara com posts e fotos nas redes sociais, vídeos, links, depoimentos. Neste cenário de “Decifra-me ou te devoro”, a CDL POA procura ratificar o seu papel de buscar respostas aos enigmas do varejo, adequando-se ao agora e olhando para o futuro.

 

Irio Piva – Presidente da CDL Porto Alegre

*Artigo publicado no Jornal Zero Hora – Edição impressa em 25 de julho de 2020.

 

___________________________________________________

A CDL Porto Alegre reafirma seu compromisso em acolher as necessidades dos varejistas, auxiliando-os a transpor os entraves da disseminação do coronavírus. A Entidade tem a convicção de que a unidade do setor fará grande diferença neste momento tão delicado e de apreensão para todos. Com a atenção e a disponibilidade de cada empresário, para fazer a sua parte, o setor sairá ainda mais forte desta crise.