Aumenta a intenção de consumo das famílias gaúchas

25

JULHO, 2017

Economia

A CNC e a Fecomércio/RS divulgaram nesta segunda-feira (24) os dados de julho de 2017 do índice de Intenção de Consumo das Famílias Gaúchas (ICF-RS), que apresentou crescimento de 35,3% em relação ao mesmo mês do ano passado. Embora o índice ainda esteja em um patamar negativo, há uma clara recuperação do indicador nos últimos doze meses. Com a economia saindo da crise, é natural que os índices de sondagem também mostrem sinais de recuperação.

A perspectiva profissional foi o único componente do índice a apresentar queda na comparação inter anual, com variação de -14,2% nesse período. Esse Item indica a perspectiva de melhora neste quesito nos próximos meses, que ainda está abalado pela recessão econômica. No entanto, a nossa projeção é a de que esse entrave para o consumo seja solucionado quando as mudanças na CLT entrarem em vigor. Com a reforma trabalhista aliada à recuperação da economia, acreditamos que o nível de emprego e renda voltará a um patamar positivo. A maior ameaça a este cenário favorável é a indefinição política que, no momento, está atrasando a recuperação do país.

Os resultados do ICF-RS indicam que renda, crédito e emprego, que são os principais fatores do consumo, estão atualmente em recuperação, com apenas a perspectiva profissional para os próximos meses caindo. A melhora do panorama empregatício decorrente das reformas deve ajudar na restauração dessa perspectiva, o que, por sua vez, ajudará na recuperação do consumo.

Acesse as colunas do Economista Victor Sant’Ana

*VICTOR SANT’ANA É ECONOMISTA DA CDL PORTO ALEGRE E POSSUI GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS ECONÔMICAS E MESTRADO EM ECONOMIA APLICADA PELA UFRGS.

CDL POA

Rua Senhor dos Passos, 235 - 1º andar
Centro Histórico - Porto Alegre/RS
CEP 90020-903

(51) 3017 8000

[]
1 Step 1
NEWSLETTER
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder